sexta-feira, 4 de novembro de 2011

Versions - As outras versões de Street Fighter II


A maioria dos jogadores conheceu Street Fighter II nos arcades, ou em suas versões mais clássicas, lançadas para Super Nintendo e Mega Drive. Os mais novos ainda tem a oportunidade e experimentar o recente remake em HD lançado na Xbox Live e PSN. Devido ao sucesso do jogo foram feitos ports para um número gigantesco de plataformas diferentes. Abaixo, vou listar algumas das outras versões do jogo lançadas pelos anos.

Como fazia com jogos de várias produtoras japonesas no final dos anos 80 e começo dos 90, a US Gold lançou em 1992 versões de Street Fighter II para vários computadores da época. Essas versões são muito criticadas pela dificuldade de se fazer os golpes especiais dos personagens, principalmente usando um teclado.

Alguns desses ports foram lançados para computadores como:

ZX Spectrum

Commodore 64

Amiga

Atari ST

Em 1993, uma versão para PC-Engine (Turbo Grafx 16 nos EUA) acompanhou os lançamentos dos ports de SNES (lançado um pouco antes, ainda em 1992) e Mega Drive (lançado também em 1993). Chamada Street Fighter II Dash, essa versão foi produzida pela própria NEC e lançada apenas no Japão. Assim como na versão para Mega Drive, os jogadores que não tivessem um controle especial com mais botões, precisavam alternar entre socos e chutes apertando SELECT.

Como também fez com Sonic, Golden Axe, Castlevania, e outros, a Tiger Eletronicas lançou um minigame de LCD baseado em Street Fighter II. Hoje em dia essa tecnologia pode parecer ridícula, mas esses portáteis eram uma grande febre entre as crianças da época. Nesse site vocês podem testar vários desses jogos.

Várias outras plataformas da época receberam ports graficamente equivalentes aos da versão de arcade. Existem versões para o computador japonês Sharp X68000 e MS-DOS (conhecida pelos péssimos controles). O destaque fica para as versões de Super Street Fighter 2 lançadas para FM-Towns e 3DO, as primeiras a ter trilha sonora rearranjada, se aproveitando da tecnologia do CD-ROM, nova na época.

Uma versão para Game Boy foi lançada em 1995. Esse port apresenta apenas nove personagens dos doze personagens da versão original, deixando Dhalsim, E. Honda e Vega de fora. Os controles e alguns golpes foram modificados, devido a configuração de apenas dois botões do Game Boy. Para executar chutes e socos fracos, o jogador deve apertar os botões rapidamente, enquanto para executar os golpes fortes, é preciso segurar os botões.

Um port para Master System foi lançado em 1997, produzido pela Tec Toy exclusivamente para o mercado brasileiro.

Em 2001 foi lançado Super Street Fighter II Turbo Revival para Game Boy Advance. Os controles são parecidos com os da versão para o primeiro Game Boy, mas repensados para o uso dos botões "L" e "R" do GBA. Todos os menus e artworks foram refeitos pelo artista da Capcom Edayan. Os cenários de Ryu, Ken, Chun-Li, Guile, Zangief, Balrog e Bison foram substituídos por cenários de outros jogos da série, como Alpha e III.

Muitas outras versões de Street Fighter II foram lançadas, principalmente em coletâneas e versões comemorativa para plataformas como Saturn, PS1, Dreamcast, PS2, PSP, Celulares, dentre outros.

Mesmo estando disponível em tantas plataformas, alguns fãs não satisfeitos criaram versões para seu consoles e computadores favoritos. Algumas dessas versões abaixo:

NES (dois dos vários ports)


MSX

Amstrad CPC

E para vocês, qual é a melhor versão de Street Fighter II lançada? Chegaram a jogar alguma das versões menos famosas?

Fonte: The Street Fighter Wiki (inglês)

Um comentário :

  1. interessante, em pensar que muitas dessas versões muitos nem sabiam da existência

    ResponderExcluir

Deixe aqui um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...