quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

Conheça todas as versões do Prince of Persia clássico


Inspirado pelo post de ontem, vou começar uma nova coluna do blog que falará das diferenças entre as versões de um mesmo jogo, diferenças nas versões de diversos países, versões modificadas para adicionar ou retirar personagens famosos (como é o caso dos jogos da Turma da Mônica e de Black Belt), versões com cortes no conteúdo violento, versões em diferentes plataformas(como é o caso do jogo comentado hoje), etc. Para começar, vou falar do segundo jogo que joguei no PC.


Prince of Persia foi lançado originalmente para o Apple II em 1989. Um ano mais tarde foi portado para outros computadores pessoais, como o Amiga, o Amstrad CPC, Atari ST, e PC (DOS). O jogo foi lançado em 1991 para o PC Engine japonês, usando o formato CD-ROM. Em 1992, quando o mercado de consoles domésticos estava crescendo de forma constante, as versões para o Master System, Sega CD, TurboGrafx-CD (a versão americana do PC Engine), NES, Game Boy e foram lançadas, assim como uma versão melhorada com uma arte bem diferente para Macintosh. A versão  para Mega Drive veio em 1993 e a versão para o SNES foi lançado mais tarde, em 1995, com níveis adicionais que não estão presentes em qualquer outra versão. Outro port foi lançado para o Game Boy Color em 1999. versões em Java para dispositivos móveis apareceram no início dos anos 2000. Em Prince of Persia: The Sands of Time, a versão para Macintosh foi incluída como um bônus secreto.

Detalhes de algumas versões

O port de NES se parece muito com a versão para PC, embora algumas das salas tenham sido um pouco deslocadas, já que não cabiam completamente na tela. As versões para Game Boy e Game Boy Color são lembradas por terem as músicas terrivelmente distorcidas. Ambos esses ports da Nintendo foram realizados pela Virgin. O Master System e Game Gear tem versões com uma aparência muito melhor, embora haja uma chata transição entre as telas, e a animação parecer um pouco estranha.

As versões para PC Engine/TurboGrafx-CD e Sega CD  incorporaram cenas animadas, voz e trilha sonora com qualidade de CD. Ambas as versões do jogo tinha melhores gráficos que pareciam basear-se na versão para Macintosh, onde o principe tinha um turbante e roupas coloridas.

O port de Mega Drive também tinha gráficos e música de fundo melhorados, esta versão inclui mais quatro níveis originais e novos tipos de poções (algumas congelam o tempo, outras dão-lhe minutos adicionais para completar o jogo).

A versão SNES também é única, além de melhorias gráficas, o jogo tem vinte fases, em vez das treze do jogo original, e as fases antigas têm algumas salas extras ou rotas diferentes. Além disso, há batalhas que envolvem não apenas luta de espadas mas esquiva também. O jogador tem duas horas para resgatar a princesa (todas as outras versões são limitadas a uma hora). O prólogo também é diferente, mostrando o protagonista cortejando a Princesa, em seguida, sendo preso e espancado. A cena do protagonista sendo espancado está disponível apenas na versão japonesa do jogo, que foi censurada na versão americana e européia. A versão do SNES foi portada e desenvolvida pela NCS e publicada pela Konami nnos EUA e na Europa.

Em 2007, o jogo foi refeito e portado pela Gameloft. O remake, intitulado Prince of Persia Classic, foi lançado na Xbox Live Arcade, na PlayStation Network e para celulares. O jogo apresenta o mesmo level design das primeiras versões, mas com gráficos 3D, movimentação mais fluente, e a estética de Sands of Time. A jogabilidade e os controles foram ligeiramente ajustadas para incluir o salto na parede e um sistema de combate diferente. Novos modos de jogo também foram adicionados, como "Time Attack" e "Survival"



Comparação entre todas as versões do jogo:


 Apple II e Zx Spectrum

 Amstrad CPC e Atari ST

PC DOS(VGA) e Master System

Nes e Game Boy

Game Boy Color e Macintosh

Mega Drive e Super Nintendo

TurboGrafx-16 e Sega CD

iPhone e XBox 360/PS3

4 comentários :

  1. Eu tinha o Mega Drive na época mas tenho que admitir: a versão do SuperNES é matadora. Deixa no chinelo até a versão do PS3, na minha humilde opinião. Realmente um jogo que estava a frente o seu tempo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu acho q não tem versão q supera a do SNES!

      Excluir
  2. A de DOS é a versão mais bonita! *-*

    ResponderExcluir
  3. Faltou o prince of persia classic pra celular da gameloft

    ResponderExcluir

Deixe aqui um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...