terça-feira, 20 de março de 2012

Unseen - Splinter Cell: Conviction


O quinto jogo da franquia Splinter Cell foi originalmente anunciado em Maio de 2007, quando a Ubisoft lançou um trailer do projeto. O visual de Sam Fisher e a jogabilidade eram bem diferentes do que os fãs estavam acostumados Ele tinha cabelo e barba compridos, poderia interagir com vários objetos do cenário (como caixas e cadeiras), se misturar com a multidão em cenários abertos para despistar inimigos, e quando não tivesse opção, poderia entrar em combates corpo-a-corpo.



O jogo seria lançado em Novembro de 2007. Porem, nada mais sobre o jogo foi revelado até Maio de 2008, quando foi reportado que o desenvolvimento do jogo havia sido paralisado, e que o projeto seria mudado por ser muito similar a Assassin's Creed (também da Ubisoft), lançado no fim de 2007.

Splinter Cell: Conviction ressurgiu na E3 de 2009, completamente reformulado. Sam agora tinha um visual mais casual, a interação com os NPCs e com objetos havia sido drasticamente diminuída, e o combate foi totalmente repensado, agora focado na nova mecânica chamada "Mark & Execute".
Visual de Sam Fisher na versão beta e na versão final
Não divido que a antiga versão seria um bom jogo, mas acho que foi uma decisão sábia mudarem a jogabilidade, e trazer algo novo. Joguei a versão final, e achei  o combate excelente. Ele é muito divertido e faz com que o jogador se sinta um verdadeiro Jack Bauer.

3 comentários:

  1. Essa versão final ficou muito boa, mas gostaria de jogar a versão "beta" para ter uma ideia de como seria.

    ResponderExcluir
  2. pra mim a versão final até agora é o melhor Splinter Cell que já joguei...como dito na matéria tb acho que a versão beta seria um bom game......mas o que não me agradou muito foi o visual do Sam....parecia meio mendigo e tal.

    ResponderExcluir
  3. Podiam lançar um jogo do Identidade Bourne com essa mecânica.. é a cara do filme...

    ResponderExcluir

Deixe aqui um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...